Imagem: Noticias MS

Intenção de consumo do campo-grandense reage

A Intenção de Consumo do campo-grandense reagiu neste mês de março, atingindo 80,6 pontos frente a 79,2 pontos de fevereiro, de acordo com pesquisa da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Também reagiu frente a março de 2016, quando estava em 76,2 pontos.

“Embora ainda na chamada zona negativa, o índice é o mesmo apresentado no mês de dezembro, que superou a média ao longo dos meses de 2016 e mostra evolução maior entre famílias com renda superior a 10 salários mínimos”, explica o presidente do Instituto de Pesquisa da Fecomércio-MS (IPF-MS), Edison Araújo.

Avaliando os itens que compõe o índice, a melhor variação foi quanto à avaliação do emprego atual; seguida da avaliação em relação ao acesso a crédito para compra a prazo e perspectivas profissionais. O nível de consumo atual também apresentou melhora, de 2,1%.

 

Confira AQUI a pesquisa na íntegra

 

*Fonte: Fecomércio/MS